Arquivo da categoria: o olhar de cada um

olhares desconhecidos: faces de belém

percebo o mundo como aprendiz. um aprendiz de olhares desconhecidos. não sei e talvez nunca saberei  nada sobre eles, mas sei sim que qualquer coisa desses olhares me ensinou a ver o mundo do desconhecido com parte de mim. apreendi e aprendi que no desconhecido posso me encontrar.

foto 20

o silêncio fala…

fala sobre o espaço desocupado que ele deixa
fala nas entrelinhas da ausência
fala daquilo que pode ser evitado para não ser recriado

o silêncio perpetua a paz
ele impede lembranças futuras de palavras impulsivas, de frases intempestivas
ele arruma a suspeita e a dúvida
no entanto, ele preserva o pensamento vazio de palavras

o silêncio desobriga uma resposta e um dialogo
desobriga multiplicações de lembranças e produção de recordações
ele desobriga a revelação do pensamento

silenciar é arte dos contidos
daqueles que, apesar de saberem, não compartilham inutilidades
e que deixam somente no ar
um olhar, um sinal, um rastro daquilo que guardam.

e você….
por mais que queira, nunca saberá a verdade dos silenciosos
ela não lhe encontrará
ela apenas passará por você inundando suas suspeitas.

A Dona Conceição é assim, um rosto expressivo e marcado pelo tempo, uma alma radiante e iluminada e um coração habitado pelo otimismo e confiança! Ela mora na Baia do Sol na Ilha de Mosqueiro e eu adoro fotografa-la.